Notícias

RODOVIAS

Projeto de concessão que injetará R$ 44 bilhões no Paraná é entregue ao TCU

São 3,3 mil quilômetros de pistas federais e estaduais incluídas no plano de outorga. Previsão é que 620 mil empregos sejam gerados
Publicado em 11/11/2021 16h56 Atualizado em 11/11/2021 19h56

Com previsão de investimento de R$ 44 bilhões, o plano de outorga da concessão para exploração das Rodovias Integradas do Paraná foi aprovado na última quarta (10) pelo Ministério da Infraestrutura e encaminhado para avaliação no Tribunal de Contas da União (TCU) na manhã desta quinta (11).

São 3,3 mil quilômetros de pistas – com duplicação de 1.782 quilômetros –, mais de 600 de faixas adicionais, terceira faixa e marginais, 10 contornos urbanos, ampliação de capacidade em quatro serras, inclusive com rampas de escape para caminhões, e 11 áreas de descanso para caminhoneiros. A expectativa é que 620 mil empregos sejam gerados – indiretos, diretos e efeito-renda.

Confira os lotes

Assessoria Especial de Comunicação
Ministério da Infraestrutura

Infraestrutura, Trânsito e Transportes