Sobre o DESU

Publicado em 24/11/2021 00h22 Atualizado em 01/12/2021 19h02

O INES é uma instituição federal de ensino habilitada à oferta de Educação Superior (ensino, pesquisa e extensão). Assim, o Departamento de Ensino Superior (DESU) o INES tem como objetivo central promover a formação, a qualificação e a educação continuada em uma perspectiva bilíngue, por meio da oferta de cursos de graduação e de pós-graduação, bem como de programas de pesquisa e extensão, a fim de preparar profissionais com competência científica, social, política, linguística e técnica, habilitados à eficiente atuação profissional, observada a área de formação.

No Ensino Superior do INES são admitidos, desde que aprovados em processo seletivo, candidatos habilitados surdos e não surdos, devendo todos apresentar suficiente fluência em Língua Brasileira de Sinais. A Libras é a língua de instrução do curso. Todos os docentes devem fazer o curso completo ofertado pelo INES, e o instituto conta com Tradutores e Intérpretes de Libras / Português concursados que atuam em todas as atividades do DESU. Todos os cursos, de graduação e de pós-graduação, possuem em seus processos seletivos 50% das vagas garantidas para candidatos surdos e outras 50% para candidatos não surdos. Para cada turma dos cursos de pós-graduação são oferecidas 40 vagas.

Graduação: Licenciatura em Pedagogia

O curso bilíngue de licenciatura em pedagogia, ofertado pelo INES desde 2006, é uma experiência pioneira na América Latina, tendo a Libras como a principal língua de instrução em sala de aula (além da Língua Portuguesa, por meio de materiais textuais), com reserva igualitária de vagas para alunos surdos e ouvintes.

O curso tem como objetivo formar pedagogas e pedagogos, surdos e ouvintes, em uma perspectiva bilíngue (Libras/Língua Portuguesa) e intercultural, para atuar na área da docência (educação infantil e anos iniciais do Ensino Fundamental), na gestão educacional e na educação em espaços não escolares. Anualmente são ofertadas 60 vagas, sendo metade reservada exclusivamente para alunos surdos e outra para alunos não surdos. O acesso é realizado através de processo seletivo próprio, que leva em consideração as especificidades linguísticas dos surdos, com banca avaliadora especializada no tema. No caso dos alunos não surdos, é exigido que possuam o nível básico da LIBRAS.

EAD

O curso de pedagogia – licenciatura (EaD) do INES, a partir da parceria com instituições de ensino superior que sediam os polos de apoio presencial em diferentes regiões do Brasil, objetiva formar professores/as e gestores/as educacionais, surdos/as e não-surdos/as, em uma perspectiva bilíngue (Libras/Língua Portuguesa) e intercultural na modalidade online, para atuar na área da docência (Educação Infantil e anos iniciais do Ensino Fundamental) e na gestão escolar em espaços não formais. Com isso, pretende-se contribuir para a expansão do ensino superior público,
gratuito e de qualidade voltado para a comunidade surda no Brasil.

Pós-Graduação

Como um desdobramento quase natural da atuação do INES no campo da educação de surdos e de seu curso de ensino superior, o DESU passou a oferecer aos profissionais de educação e demais interessados na área, também, cursos de pós-graduação Lato Sensu e Stricto SensuEm 2018 foi aprovada pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) a proposta do Mestrado Profissional em Educação Bilíngue do INES. O intuito é formar profissionais para atuarem na área de Educação Bilíngue para Surdos, em seus múltiplos desdobramentos nas áreas de Educação, Educação Especial, Letras/Linguística e Artes, evidenciando o caráter interdisciplinar que constitui historicamente o campo.

Pesquisa e Extensão

O DESU conta com atividades de iniciação científica e de extensão que complementam a formação acadêmica de seus alunos, através das quais se pretende suscitar o espírito crítico, a criatividade e a possibilidade de construção contínua do conhecimento, notadamente na área da surdez. O departamento promove e realiza pesquisas no escopo de sua missão, assim como propõe critérios e procedimentos para o desenvolvimento das atividades de pesquisa e tecnologia relacionadas à surdez. Além disso, busca ampliar o acesso dos alunos de professores a publicações atualizadas.

Extensão, aqui, deve ser entendida como uma atividade acadêmica que interage com os processos de ensino e pesquisa, de modo a contribuir com a formação dos estudantes e estender à sociedade os resultados de seu trabalho acadêmico. Desta forma, é papel também do DESU desenvolver a extensão aberta à participação da população, visando à difusão das conquistas e benefícios resultantes da criação cultural e da pesquisa científica e tecnológica geradas na instituição.