Notícias

ENEM

Provas em braile marcam a história do exame

Na edição 2020, pela primeira vez, participante que escreveu a redação em braile teve a prova corrigida no Sistema Braile. Antes, texto tinha de ser ditado
Publicado em 08/04/2021 17h31 Atualizado em 09/04/2021 09h45

Ao longo de inúmeras aplicações de exames e avaliações, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) adaptou os métodos e recursos para oferecer condições cada vez mais isonômicas aos participantes. Nesse contexto, o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) tornou-se referência em termos de acessibilidade e inclusão no Brasil. Na edição 2020, pela primeira vez, o participante que escreveu a redação em braile teve a prova corrigida no Sistema Braile, cujo dia nacional é celebrado nesta quinta-feira, 8 de abril. Antes, o texto precisava ser ditado para o corretor.

No Enem 2020, 52.598 inscritos solicitaram, em geral, algum tipo de atendimento especializado. Dessas pessoas, 12.464 pediram recursos por questões relacionadas à visão, entre elas, cegueira (859), baixa visão (9.897), surdocegueira (134) e visão monocular (1.574). A oferta de provas do Enem em braile faz parte da Política de Acessibilidade e Inclusão do Inep e ocorre desde a edição do ano 2000.

De lá para cá, o Enem também incluiu diversos outros recursos no rol de atendimentos especializados, como provas ampliadas e auxílios para leitura e transcrição das provas. Durante o exame, também é permitido utilizar material próprio, inclusive, máquina de escrever em braile, além de outros recursos, como: lâmina overlay, reglete, punção, sorobã ou cubaritmo, caneta de ponta grossa, tiposcópio, assinador, óculos especiais, lupa, telelupa, luminária, tábuas de apoio, multiplano, plano inclinado. O participante também pode ser acompanhado por cão-guia. 

Acessibilidade e inclusão – O Instituto oferece atendimento e recursos de acessibilidade em todos os exames e avaliações aplicados. A Política de Acessibilidade e Inclusão do Inep visa a abranger o maior número possível de interessados na execução de suas provas. Nesse sentido, o objetivo é proporcionar acesso aos programas educacionais brasileiros, promovendo equidade.

Enem – Realizado anualmente pelo Inep desde 1998, o Exame Nacional do Ensino Médio avalia o desempenho escolar ao final da educação básica. A estrutura do exame conta com uma redação e 45 questões em cada prova das quatro áreas de conhecimento: linguagens, códigos e suas tecnologias; ciências humanas e suas tecnologias; ciências da natureza e suas tecnologias; e matemática e suas tecnologias.

 

Saiba mais sobre o Enem

 

Assessoria de Comunicação Social do Inep

 

Educação e Pesquisa