Notícias

CENSO ESCOLAR

Prazo para declaração de dados termina nesta sexta (21)

Informações devem ser inseridas no Sistema Educacenso até as 23h59, pelo horário de Brasília. Os dados devem ter como referência o dia 11 de março
Publicado em 21/08/2020 11h25

InepCenso EscolarCenso Escolar da Educação BásicaEstatísticaEducacensoRepresentantes das escolas públicas e privadas da educação básica do país devem declarar as informações do Censo Escolar 2020 até as 23h59 desta sexta-feira, 21 de agosto, pelo horário de Brasília. As instituições que ainda não informaram dados sobre gestores, turmas, alunos e profissionais escolares devem acessar o Sistema Educacenso e realizar a declaração. 

O sistema está disponível desde o dia 27 de maio para a declaração da Matrícula Inicial, primeira etapa de coleta do Censo Escolar. Neste ano, o prazo foi de 87 dias, 27 a mais que o definido em anos anteriores (60 dias), em função da suspensão das atividades escolares, imposta pela pandemia de COVID-19.  

As informações de matrículas declaradas ao Censo Escolar 2020 devem ter como referência o dia 11 de março de 2020. A data é imediatamente anterior ao início da suspensão das aulas no país e foi definida após diálogo mantido pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) com as coordenações estaduais e municipais das capitais do Censo Escolar das secretarias de Educação, o Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed), a União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime), a Confederação Nacional dos Municípios (CNM) e a Federação Nacional das Escolas Particulares (Fenep).  

A pesquisa é coordenada pelo Inep e realizada, anualmente, em regime de colaboração com as secretarias estaduais e municipais de Educação, com a participação de todas as escolas públicas e privadas do país. Os resultados do Censo Escolar orientam os repasses do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb) para municípios e unidades da Federação. Além disso, a distribuição de recursos para merenda, livros didáticos e transporte escolar, por exemplo, é determinada pelas informações consolidadas por meio da pesquisa estatística.  

Os dados coletados pelo Censo Escolar também contribuem para o cálculo de um conjunto de indicadores que possibilitam a compreensão da situação educacional no Brasil, como o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (ldeb), as taxas de rendimento e de fluxo escolar, a distorção idade-série, entre outros, que inclusive são referência para as metas do Plano Nacional da Educação (PNE).

 

Assessoria de Comunicação Social do Inep

Educação e Pesquisa