Notícias

X REUNIÃO DE ASSESSORES DE SEGURANÇA NACIONAL DOS BRICS - 17 Set 2020

Publicado em 18/09/2020 11h47 Atualizado em 22/09/2020 09h46

O Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República (GSI/PR) participou da X Reunião de Assessores de Segurança Nacional dos BRICS (NSAs, na sigla em inglês).

O encontro, que reúne anualmente autoridades de nível ministerial de Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul responsáveis por temas de segurança institucional, ensejou, neste ano de 2020, construtivo intercâmbio de informações e avaliações a respeito de ameaças diversas em escala global, regional e nacional. Por conta das atuais circunstâncias sanitárias, a reunião foi realizada, pela primeira vez, em modalidade virtual.

 Reunião BRICS 02.jpg

     Apresentação do General Nicolay Patruschev da Federação Russa

Os trabalhos foram presididos pelo General Nikolay Patrushev, secretário do Conselho de Segurança da Federação Russa, que sublinhou diversos avanços registrados nos últimos meses na cooperação entre os cinco países. Salientou, nesse sentido, que os BRICS em muito se beneficiaram dos relevantes consensos alcançados durante a edição anterior do foro, realizada em outubro de 2019, em Brasília.

A agenda do evento também contemplou discussões específicas na área de biossegurança, no contexto da pandemia do coronavírus. Os participantes também trocaram avaliações a respeito dos grupos de trabalho dedicados aos temas de combate ao terrorismo, e de segurança no uso das tecnologias de comunicação e informação. Celebrou-se, nesse contexto, a aprovação, por consenso, de estratégia dos BRICS de enfrentamento ao flagelo do terrorismo.

Índia.jpg

                                              Intervenção do Representante da Índia

A delegação brasileira foi chefiada pelo Embaixador Manuel Innocencio Lacerda dos Santos Junior, assessor diplomático do GSI/PR, e contou com a participação de oficiais generais do órgão e do diretor da Agência Brasileira de Inteligência. Também integraram a representação brasileira, servidores de outras entidades da Administração Federal, como o Itamaraty e a Polícia Federal.  

Final.png

                                       Delegação Brasileira

Por conta de compromissos de última hora, o ministro de Estado chefe do GSI/PR não pôde acompanhar os trabalhos. Em vídeo exibido no início da reunião, o general Augusto Heleno Ribeiro Pereira saudou seus homólogos e encareceu sua expectativa de que os governos dos cinco países dos BRICS continuem perseverando na busca de elementos de afinidade que lhes permitam avançar em temas estratégicos para o bem-estar de suas populações.

A reunião de NSAs é um dos foros mais importantes dos BRICS e sua realização costuma ocorrer algumas poucas semanas antes da cúpula presidencial que, todos os anos, marca o encerramento da presidência pro tempore do agrupamento exercida por um dos cinco países. Em meados de novembro próximo, a Índia deverá assumir o comando do bloco.