Pesquisa com usuários

O que é?

Os projetos de pesquisa com usuários envolvem um conjunto de ações sistemáticas e metódicas para produzir conhecimento sobre como as pessoas se sentem ao utilizar um produto, sistema ou serviço público digital. Ela investiga tanto aspectos de design e quanto de experiência do usuário.

As pesquisas podem incluir testes de protótipos em homologação, análise de soluções que já estão em produção ou mesmo levantamentos sobre as necessidades dos usuários para subsidiar soluções que serão desenvolvidas. Metodologias quantitativas, qualitativas e interativas, presenciais ou virtuais, podem ser aplicadas juntas ou separadamente. A estratégia da pesquisa é desenhada de acordo com a necessidade do serviço, dos seus gestores e o perfil dos seus usuários. É possível que essas investigações sejam feitas de forma ágil, a baixo custo e sem comprometer o cronograma de desenvolvimento das soluções.


Quem faz?

A Pesquisa com Usuários é um serviço realizado pela Secretaria de Governo Digital e não envolve custos para os órgãos.


Para que serve?

A Pesquisa com usuários serve para tornar os produtos, sistemas ou serviços públicos digitais mais simples, agradáveis e fáceis de usar.


Como fazemos?

Nossa sistemática:

  1. Definição do problema e do objetivo da pesquisa
  2. Levantamento de dados, desenho e preparação da pesquisa
  3. Pesquisa de campo
  4. Consolidação e apresentação dos achados
  5. Acompanhamento das ações realizadas pelo órgão demandante após a pesquisa

Trabalhamos com diversas metodologias: quantitativas, qualitativas e interativas, presenciais ou virtuais, que podem ser aplicadas juntas ou separadamente, por meio das seguintes técnicas de pesquisa e análise:

  • Testes de usabilidade com usuários de sistemas e aplicativos;
  • Análise da usabilidade de site ou aplicativo por especialistas;
  • Entrevistas;
  • Questionários estruturados com perguntas aberta e/ou fechadas;
  • Survey, com coleta de dados de forma presencial ou por meio de formulário eletrônico;
  • Grupos focais;
  • Oficinas de design thinking.