Notícias

AVISO DE PAUTA

Governo federal lança na quinta-feira (25/11) o Novo Marco de Garantias

Iniciativa vai viabilizar crédito mais barato para quem quer empreender, investir ou realizar um sonho – como a casa própria –, mesmo que já tenha empréstimo não quitado
Publicado em 24/11/2021 16h32 Atualizado em 24/11/2021 18h20

O governo federal lançará, nesta quinta-feira (25/11), às 10h30, o Novo Marco de Garantias, em cerimônia no Palácio do Planalto, em Brasília (DF). Com o slogan “Novo Marco de Garantias: Crédito Simples e Barato", esta ação do governo federal vai permitir que os brasileiros tenham acesso a crédito mais barato, beneficiando quem quer empreender, investir ou realizar um sonho – como comprar uma casa própria –, ou simplesmente evitar juros mais altos em financiamentos.

Após a solenidade está prevista coletiva de imprensa no salão Leste do Palácio do Planalto, com participação de Adolfo Sachsida, secretário de Política Econômica; Emmanuel Sousa de Abreu, subsecretário de Política Microeconômica  e Financiamento de Infraestrutura; Alexandre Xavier Ywata de Carvalho, subsecretário de Direito Econômico; Gustavo Augusto Freitas Lima, subchefe adjunto de Política Econômica da Subchefia de Assuntos Jurídicos (SAJ); Eduardo Gomes, secretário especial de Modernização do Estado da Secretaria-Geral da Presidência da República (Seme/SG); e Ricardo Vieira de Queiroz, diretor de Programa da Seme.

A cerimônia e a coletiva serão transmitidas, ao vivo, pela EBC.

Lançamento do Novo Marco de Garantias: Crédito Simples e Barato

Local: Palácio do Planalto, salão Nobre (2º andar) – Brasília (DF)

Data: 25/11/2021 (quinta-feira)

Horário: 10h30

Credenciamento: Aquele que não possuir a credencial permanente do Palácio do Planalto deve realizar o credenciamento diário por meio do endereço https://bit.ly/3DaNci6 

Orientações para a coletiva no salão Leste após a cerimônia:

1) O jornalista que desejar fazer pergunta deverá se inscrever na entrada do Salão Leste, informando nome completo e veículo;

2) Cada jornalista inscrito poderá realizar apenas uma pergunta.

3) Serão realizadas apenas cinco perguntas, ao todo, durante a coletiva (uma para cada profissional inscrito)

4) Não será aceita a inscrição de jornalistas do mesmo veículo