Programa SPU+

Atualizado em 17/06/2021 11h11

O PROGRAMA

Publicado em 15/06/2021 16h05 Atualizado em 17/06/2021 11h13

Lançado em dezembro de 2020 e instituído pela Portaria nº 2.517/21, foi criado pela Secretaria de Coordenação e Governança do Patrimônio da União (SPU) para organizar todo o sistema de imóveis da União, acabando com a desinformação imobiliária que existia, agregando dados consistes, confiáveis, precisos e georreferenciados dos imóveis. Além disso, a transformação digital foi essencial para melhoria dos processos. A implementação da tecnologia da informação e inteligência artificial foi peça fundamental para melhorar a destinação dos ativos federais e aprimorar o acesso dos cidadãos aos serviços digitais da secretaria.

A finalidade do programa é inovar, modernizar e transformar, ainda mais, a gestão dos ativos imobiliários da União.

Estratégico para o Governo Federal, visa ativar a economia por meio da contabilização de R$ 110 bilhões em imóveis da União até 2022.

Para isso, está divido em três módulos: alienação, racionalização e cessão e concessão.

Termo de Adesão

Para aderir ao Programa SPU+, prefeitos e/ou governadores devem assinar o Termo de Adesão e enviá-lo à Superintendência do Patrimônio da União do estado correspondente.
Atualizado em 15/06/2021 16h04