Notícias

Participação

Mapa inicia tomada pública de subsídios sobre os Programas de Autocontrole

As contribuições poderão ser feitas até o dia 30 de junho. Objetivo é permitir a ampla participação de órgãos, entidades ou pessoas interessadas
Publicado em 30/04/2021 14h40

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) está colhendo sugestões sobre a regulamentação dos Programas de Autocontrole dos agentes privados regulados pela Defesa Agropecuária e Programa de incentivo à conformidade em Defesa Agropecuária dispostos no Projeto de Lei nº 1293/2021, que tramita no Congresso Nacional. 

As contribuições, tecnicamente fundamentadas, poderão ser feitas até o dia 30 de junho, por meio do formulário para participação da tomada pública de subsídios, disponível no link: http://sistemas.agricultura.gov.br/agroform/index.php/355656?lang=pt-BR 

O objetivo da Tomada Pública de Subsídios é permitir a ampla divulgação e a participação de órgãos, entidades ou pessoas interessadas em contribuir com a discussão sobre o tema. 

Projeto de Lei

O projeto de lei 1293/2021, encaminhado ao Congresso Nacional, dispõe sobre os programas de autocontrole dos agentes privados regulados pela defesa agropecuária e sobre a organização e os procedimentos aplicados pela defesa agropecuária aos agentes das cadeias produtivas do setor. 

O documento propõe uma nova configuração ao modelo de fiscalização agropecuária. O objetivo é tornar obrigatória a adoção de programas de autocontrole pelos agentes regulados pela legislação da defesa agropecuária. 

O PL busca ainda modernizar as regras de controle sanitário do Mapa (por exemplo: registro de estabelecimento agropecuários) que impactam na expedição de ato público de liberação de atividade econômica no segmento agropecuário, considerando o grau de risco sanitário envolvido, e a atualização do valor pecuniário das multas aplicadas em decorrência da constatação de infrações durante a fiscalização agropecuária, atendendo, assim, as recomendações dos Órgãos de Controle e fortalecendo as medidas coercitivas e educativas em desfavor dos transgressores da legislação sanitária.

Informações à Imprensa
imprensa@agricultura.gov.br